Notícias

FALTA DE POSTOS DE TRABALHO FORMAL AUMENTA O DESEMPREGO E O COMÉRCIO INFORMAL EM VALPARAÍSO DE GOIÁS

DESEMPREGO X COMÉRCIO INFORMAL

Dos milhões de desempregados existentes  no Brasil , uma boa parte está aqui em Valparaíso de Goiás e mesmo com a proximidade da Capital Federal isso não tem resolvido o problema do desemprego no município, que cresce avassaladoramente.

O difícil é apontar dados científicos, o município não dispõe de informações em banco  de dados para auxiliar quem buscar tais informações, uma vez que apenas o órgão estadual  tem dados através do VAPT VUPT de quem está indo  através de emprego e esse dados parece não está disponível no site. Assim esse canal de comunicação que escreve a matéria usou dados do conhecimento do senso comum e de pesquisas quantitativas feita informalmente na rua para publicar a matéria.

Com explosão novamente do número de investimento imobiliária na cidade, o município passou a receber mais moradores e aumento da população   nao aumenta ps posto de trabalho,simplesmente porque a demanda é sempre maior que a oferta.

Nos últimos anos novos empreendimentos entraram e continuam entrando na cidade, mas com um população enorme que tem hoje, Valparaíso continua com uma grande parte dos seus habitantes desempregado e muitos deles recorrendo para a economia informal e que para quem busca o pão de cada dia é a opção é justa.

Basta fazer uma rápida caminhada pelas passarelas, principais pontos da cidade para enxergar a quantidade de pessoas vendendo algum produto para garantir um ganho mensal, isso é positivo do ponto de vista da ação de quem não quer ficar esperando um emprego cair do céu.

O certo é que muitos desses vendedores de rua ou melhor empreendedores , estão  ali , por que perderam seus empregos, postos de trabalhos foram fechados ou as máquinas substituíram alguns, até mesmo na construção civil e isso deve ser visto de forma sistêmica pela gestão para transformar discurso político em política pública que ajude a diminui o número de desempregado.

As demandas aumentam na mesma proporção que cresce a população de uma cidade e como gerar oferta de emprego para tanta gente, se o país continua parado?

O Brasil ainda está atolado em confusão e as reformas não darão resultados a curto prazo e talvez nem a logo e parece que o desemprego ainda continuará sendo o pesadelo de muitos valparaisense.

Por : Francisco Miranda

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *